SEMANÁRIO ZONA NORTE - JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO NA ZONA NORTE

Notícias Curiosidades

Isso você não aprendeu na escola

5 de dezembro de 1891

Isso você não aprendeu na escola
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Hà exatos 127 anos, no dia 5 de dezembro de 1891, falecia no exílio, em um quarto de um hotel barato de Paris, o Imperador Dom Pedro II. Suas últimas palavras antes de partir: "Deus, que me conceda estes últimos desejos: Paz e prosperidade para o Brasil."

Mais tarde, enquanto preparavam seu corpo, encontraram em seu quarto uma fronha cheia de terra e o seguinte bilhete:"É terra de meu país. Desejo que seja posta em meu caixão se eu morrer fora de minha pátria."

Pedro morreu sozinho e infeliz, sem a esposa e apartado do país que tanto amou e pelo qual sacrificou toda sua vida. Odiava ser imperador. Seu sonho era ter sido professor. Mas o dever e o patriotismo foram maiores, fazendo-o abrir mão de tudo aquilo que um homem comum prezava.

Morreu com apenas 66 anos de idade, mas com aparência de 90, esmagado pelo dever que nunca saiu de seus ombros. Seu funeral foi belíssimo, na França republicana, com todas as pompas e honras dignas de um grande chefe de estado. O mundo se comoveu naquele 5 de dezembro, enquanto a embaixada brasileira em Paris, vergonhosamente, protestava contra o governo francês.

O governo brasileiro queria, por óbvias razões, deixar o episódio passar em branco. E infelizmente conseguiu. Enquanto os brasileiros sequer ficaram sabendo da morte de seu soberano, o mundo civilizado se despedia do líder mais sábio e respeitado do século 19.

 

Comentários:

+ Lidas

Nossas notícias no celular

Receba as notícias do Semanário ZN no seu app favorito de mensagens.

Telegram
Whatsapp
Entrar
Anunciante 039

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!