SEMANÁRIO ZONA NORTE - JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO NA ZONA NORTE

Notícias Visita

Secretária municipal de Segurança Urbana de São Paulo, inspetora Elza Paulina de Souza

visita a sede do jornal Semanário da Zona Norte

Secretária municipal de Segurança Urbana de São Paulo, inspetora Elza Paulina de Souza
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A secretária Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo, inspetora Elza Paulina de Souza visitou na manhã de quarta-feira, dia 10 de fevereiro, a redação do jornal Semanário da Zona Norte. Na ocasião, a secretária abordou vários assuntos. Os temas discutidos foram a expectativa em assumir a Secretaria Municipal da Segurança Urbana de São Paulo, os desafios em promover melhorias na prestação de serviços à sociedade, a integração entre as polícias Civil, Militar, GCM  e as Subprefeituras, o papel relevante do programa Guardiã Maria da Penha que já chegou a atender 1.232 casos de mulheres vítimas da violência  em quatro anos, a atuação da Secretaria no combate à pandemia de coronavírus e a importância das mídias regionais, em especial o Jornal Semanário da Zona Norte. 

Nascida em Marília, no interior de São Paulo, Elza Paulina de Souza é a primeira mulher a ocupar o cargo de secretária Municipal de Segurança Urbana da cidade de São Paulo. 

Ela ingressou na Guarda em 1986, fazendo parte da primeira turma do Corpo Feminino da GCM. Passou por todos os cargos de carreira, foi classe especial, classe distinta, inspetora, inspetora de divisão e inspetora de agrupamento. 

Acompanhe com exclusividade a íntegra da entrevista da secretária Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo, inspetora Elza Paulina de Souza concedida ao jornal. 

JSZN: Como começou sua carreira?  Qual seu time e religião? 

Secretária Elza: Minha carreira começou em 1986, como integrante da Primeira Turma da Guarda Civil Metropolitana. Sou corintiana e católica. 

JSZN: Quais são as expectativas em assumir a Secretaria Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo? 

Secretária Elza: A grande expectativa é a construção de uma política municipal de segurança, pautada no serviço preventivo e na união de esforços dos órgãos municipais, bem como dos demais integrantes da segurança pública que atuam na cidade de São Paulo. 

JSZN: Quais são os principais desafios da Secretaria para promover melhorias na prestação de serviços à sociedade? 

Secretária Elza: Deficiência de efetivo e adequar a realidade ao ordenamento jurídico brasileiro, que é a implantação de uma política de segurança sistêmica, na qual teremos a atuação conjunta de todos os órgãos e a participação efetiva dos demais entes da administração pública e da sociedade em geral. 

JSZN: A Sra. pretende ampliar a Operação Delegada para combater o comércio de ambulantes irregulares nas ruas da Capital? 

Secretária Elza: Sim, se após o resultado de nossa análise e planejamento operacional ordenado assim o definir. 

JSZN: Sabemos que existe defasagem no número de guardas civis na Capital. Como está o efetivo na cidade de São Paulo, em especial na Zona Norte? 

Secretária Elza: É uma realidade a defasagem do efetivo da Guarda Civil Metropolitana, bem como em todas as áreas da administração pública, considerando o número crescente de aposentadorias. Cabe aqui salientar que a Guarda Civil Metropolitana não tem direito a aposentadoria especial. 

JSZN:  A Secretaria pretende abrir concurso para novos cargos? 

Secretária Elza: Uma das nossas principais metas é a reposição dos quadros deficitários da GCM e propor a criação de carreira de agentes de Defesa Civil. 

JSZN: Como a Sra. analisa  a integração entre as polícias Civil, Militar, GCM  e as Subprefeituras ? 

Secretária Elza: Sempre houve uma ótima relação no trabalho conjunto, porém entendemos que sempre podemos caminhar para uma melhoria continua neste processo de integração. Não é possível realizar segurança pública somente com um organismo, é necessário a participação de todos órgãos do poder público, de segurança e da comunidade em geral. 

JSZN: Como funcionará a segurança nas praças e parques? 

Secretária Elza: A principal competência da GCM é a proteção preventiva, então continuaremos realizando o policiamento nas praças e parques da cidade, de acordo com a demanda, o diagnóstico e o índice de periculosidade ou criminalidade local. 

JSZN: E na questão da zeladoria? 

Secretária Elza: As subprefeituras possuem equipes de zeladoria para cuidar dos espaços públicos e a GCM tem a função de dar a estes agentes a segurança necessária para a realização do seu trabalho. 

JSZN: A Sra. fez parte da primeira turma de Guardas quando a corporação foi criada em 1986 pelo então prefeito Jânio Quadros. Fale um pouco sobre esta experiência. 

Secretária Elza: Experiência ímpar, que definiu toda minha trajetória profissional, ratificada pela oportunidade de escolher a profissão dos sonhos. 

JSZN: E qual foi o seu maior desafio frente ao Comando da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo, pois a Sra. foi a primeira mulher a assumir o cargo? 

Secretária Elza: Ser mulher numa instituição majoritariamente masculina é sempre complicado, mas quando deixamos claro e percebem que não queremos competir, mas agregar, nos impomos pela competência e seriedade. Está claro para grande parte da sociedade que as mulheres também podem se destacar em cargos de liderança, fazer boa gestão em qualquer campo profissional, mas ainda há desequilíbrio nessas relações e temos que continuar avançando. 

JSZN: Fale um pouco sobre o programa Guardiã Maria da Penha que já chegou a atender 1.232 casos de mulheres vítimas da violência em quatro anos. 

Secretária Elza: O Projeto “Guardiã Maria da Penha” foi criado pelo Decreto Municipal Nº 55.089 em 8 de maio de 2014. 

O Programa prevê proteção às mulheres vítimas de violência doméstica, com medidas garantidas pela Lei Maria da Penha através da atuação da Guarda Civil Metropolitana e da Secretaria Municipal de Políticas para as Mulheres. Tem por objetivo combater a violência física, psicológica, sexual, moral e patrimonial contra as mulheres, monitorar o cumprimento das normas penais que garantem sua proteção e a responsabilização do agressor, além de proporcionar acolhida humanizada e orientação às vítimas quanto aos serviços municipais disponíveis. 

A iniciativa é fruto de uma colaboração entre a Secretaria Municipal de Segurança Urbana (SMSU), a Coordenadoria Municipal de Políticas para as Mulheres (SMDHC) e o Ministério Público do Estado de São Paulo, através do Grupo de Atuação Especial de Enfretamento à Violência Doméstica (GEVID). 

Em 8 de março de 2019, o prefeito Bruno Covas criou a Inspetoria de Defesa da Mulher e Ações Sociais - IDMAS da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo. Foi uma inovação nas políticas públicas de segurança urbana. 

Atualmente atendemos 780 mulheres e desde o início do Programa em 6 de maio 2014 já passaram pelo programa 3.571 mulheres. 

JSZN: A Defesa Civil está atrelada à  Secretaria Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo. Qual o papel da entidade e como ela pode ajudar a população? 

Secretária Elza: Sim. Tem a competência de estabelecer as políticas e diretrizes de defesa civil em todas as suas fases de atuação (preventivas, de socorro assistencial e recuperativas), necessárias ao desempenho de suas atribuições. Coordena as ações de socorro nas áreas atingidas pelos desastres, tendo por base a metodologia do Sistema de Comando e Operações em Emergência - SICOE, e passa a contar também com o Conselho Municipal de Defesa Civil - CONSDEC, constituído por representantes de diversas secretarias municipais, visando garantir a articulação das políticas públicas relacionadas à defesa civil com os demais setores da Administração Municipal. 

JSZN: Grande parte das áreas de risco é irregular. Como resolver esta situação? 

Secretária Elza: A Prefeitura irá lançar o Plano Municipal de redução de riscos no qual as secretarias municipais, cada uma com a sua competência legal, definirão os parâmetros para atuação. 

JSZN: Na época das chuvas, existem pontos em  São Paulo  que são mais propícios a inundações? 

Secretária Elza: Sim e já estão todos mapeados pela Defesa Civil. 

JSZN: Em caso de inundações, qual recomendação a Sra. deixa para a população, em especial àquela que vive em locais de alto risco? 

Secretária Elza: Que observem as orientações constantes  na página abaixo, a fim de orientações mais efetivas quando em caso de inundações, como por exemplo: se estiver em local seguro não saia; não atravesse locais alagados; entre em contato imediatamente com a Defesa Civil através do telefone “199”. 

https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/seguranca_urbana/defesa_civil/cuidados_importantes/index.php?p=179951 

JSZN: O mundo está vivendo uma grande crise de saúde que é pandemia de coronavírus, como a Secretaria vem atuando no combate à doença? 

Secretária Elza: Como instituição de linha de frente, a Secretaria vem adotando todas as medidas de segurança segundo o protocolo recomendado pelos organismos de saúde e dos decretos e regulamentações municipais, bem como o fornecimento de ácool e EPI’s necessários à proteção do agente. 

JSZN: Qual a importância das mídias regionais, em especial o Jornal Semanário da Zona Norte? 

Secretária Elza: A importância se dá, não somente como veículo de reclamação, mas acima de tudo de informação, reflexão e despertar de consciência e fortalecimento da sociedade para com a sua localidade. Instrumento de empoderamento da sociedade local, poder público, privado e sociedade civil. 

Presenças 

Algumas pessoas que estiveram presentes em homenagem a secretária Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo, inspetora Elza Paulina de Souza deram seus depoimentos em relação à iniciativa  do Semanário da Zona Norte em apresentar novas lideranças à sociedade. Todos também deixaram uma mensagem a inspetora pelo novo cargo. 

Para o subprefeito da Vila Maria/Vila Guilherme, Joel Bomfim da Silva “foi uma decisão muito assertiva do prefeito de São Paulo Bruno Covas, em escolher a inspetora Elza Paulina de Souza como secretária Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo. E os membros da Guarda Civil Metropolitana sempre almejaram alguém da entidade para assumir a Secretaria. Desta vez, o prefeito acertou na decisão e a inspetora Elza Paulina irá fazer um excelente trabalho. Nós sabemos a grande responsabilidade que é assumir esta pasta. A Secretaria Municipal  da Segurança Urbana forma é um tripé juntamente com as Secretarias da Saúde e Educação. Desejo a ela boa sorte, e tenho certeza que ela irá surpreender nesses próximos quatro anos de gestão. Cada vez mais a mulher vem ocupando espaço na sociedade e nos cargos públicos mostrando sua competência. A mulher está  rompendo barreiras e tabus. Aproveito para parabenizar o jornal Semanário da Zona Norte por esta integração. 

Já para o superintendente do Ipem-SP, cel. Ricardo Gambaroni “a comandante Elza é uma pessoa ímpar e tem desbravado esse caminho através de seus méritos. Ela conseguiu este posto não apenas por ser mulher, mas também pela sua eficiência e competência. Além disso, pela sua excelente conduta frente ao Comando da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo. Fico muito feliz do jornal está prestigiando a secretária Elza, e certamente, ela fará um ótimo trabalho pois tem uma forte ligação com todas as áreas de Segurança Pública, e acima de tudo, é respeitada por todos. É uma forma  de agradecimento e de nos jubilarmos com esse momento que ela está vivendo. E o evento do jornal é fundamental para a  sociedade. A secretária sempre participou desses encontros como comandante da GCM, isso ajuda a estreitar a relação com as outras instituições”. 

Para o cel. Andrei prefeito de Aeronáutica de São Paulo, o coronel intendente Andrei Leça Borges, “ a inspetora Elza é a primeira mulher a assumir a Secretaria Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo e também a representar todas as mulheres da sociedade. Ela assume este cargo não apenas por ser mulher, mas também pela sua competência. Sabemos que para assumir um cargo como este, e ainda sendo mulher, o esforço é maior. A inspetora Elza está sendo um dos grandes exemplos de que estamos no caminho certo.  Sou da última turma antes da integração das mulheres na Aeronáutica, então, observei de perto essa mudança. Eu pude ver o quanto  a mulher é forte na sociedade, muitas vezes mais fortes que o homem. E o jornal está de parabéns por esse encontro. A união faz a força. Com isso toda a comunidade ganha”. 

Para o chefe de Gabinete do COMGAP, coronel intendente Waldemar Roberto Cabral Jorri, “em primeiro lugar quero externar meus parabéns a inspetora Elza. Ela que foi pioneira no Comandado da Guarda Civil Metropolitana de São Paulo. Isso é um símbolo de vitória da mulher. É importante este reconhecimento das instituições, e ainda, parabenizar quem a escolhei para este cargo. Sabemos de sua competência e do seu sucesso. Este momento é importante para a sociedade, pois o jornal consegue unir todas as forças vivas. Aqui as pessoas realmente se conhecem e se ajudam, e isso, traz o bem para toda a comunidade paulistana”. 

De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo, cel. Luiz Alberto Rodrigues da Silva “é sempre um prazer estar presente aqui no jornal, um momento onde podemos reunir todas as forças de segurança do município. A inspetora Elza sempre realizou um maravilhoso trabalho e nada mais justo essa nova função dela na Secretaria Municipal da Segurança Urbana de São Paulo. Que ela conte com todas as entidades, pois temos que reunir todas as forças em prol da população. Parabéns para a secretária e ao jornal por fazer este intercambio”. 

Para o delegado da Seccional Norte, Hélio Bressan “pra mim é uma grande satisfação estar aqui neste encontro promovido pelo jornal. É espetacular termo uma mulher à frente da Secretaria Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo. Aliás, as mulheres estão cada vez mais ocupando espaços merecidamente. E esse tipo de evento realizado pelo jornal é importantíssimo, porque é nessa hora que conversarmos  descontraidamente. Tenho um ótimo relacionamento com a Polícia Militar, já troquei contato com o cel. PM André Marcelo Baptista Assis, comandante do CPA/M-3”. 

Segundo o chefe do Estado Maior do Comando Militar do Sudeste, general Carlos Eduardo “o Semanário da Zona Norte tem um dupla vertente. Ou seja, ele não só informa como também comunica, duas coisas que parecem ser as mesmas mas não são. É importante este evento do jornal porque reunimos todas as forças vivas da sociedade para um único objetivo que é o bem comum da comunidade. E o jornal contribuir  para unir as forças em torno das lideranças que estão conduzindo com muita responsabilidade o nosso bem estar dentre eles a Segurança Urbana, hoje representada pela inspetora Elza”. 

Para o comandante do Policiamento de Área Metropolitana-3 (CPA/M-3) coronel PM André Marcelo Baptista Assis “me sinto lisonjeado pela função da inspetora na Secretaria Municipal da Segurança Urbana de São Paulo. E essa integração é de suma importância para a Segurança Pública, a PM juntamente com as demais entidades trabalha em prol da comunidade, e a cima de tudo, para combater a criminalidade e baixar os índices de violência. Parabéns por essa iniciativa de congregar as várias instituições em prol da sociedade paulista, em especial, da Zona Norte”.  

Para o superintendente do Shopping Center Norte Guilherme Marini, “é uma importância muito grande a inspetora Elza Paulina, primeira mulher a assumir a Secretaria Municipal  da Segurança Urbana de São Paulo. É um reconhecimento e mérito de toda a carreira dela. É uma grande gratificação participar deste evento do jornal Semanário da Zona Norte. E essa integração é fundamental para os órgãos públicos, empresário e para a sociedade. São nesses momentos que podemos discutir as dificuldades e problemas da região. Isso é o que faz a diferença para melhorar a vida da comunidade.  O João Carlos Dias consegue integrar todas as forças vivas da sociedade num único evento. 

Comentários:

+ Lidas

Nossas notícias no celular

Receba as notícias do Semanário ZN no seu app favorito de mensagens.

Telegram
Whatsapp
Entrar
Anunciante 039

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!