SEMANÁRIO ZONA NORTE - JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO NA ZONA NORTE

Notícias Visita

Jornal Semanário da Zona Norte recebe a visita do novo subprefeito da Vila Maria/Vila Guilherme

Na manhã de terça-feira, dia 13 de abril, o novo subprefeito da Vila Maria/Vila Guilherme, Roberto de Godoi Carneiro

Jornal Semanário da Zona Norte recebe a visita do novo subprefeito da Vila Maria/Vila Guilherme
Imagens
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Na manhã de terça-feira, dia 13 de abril, o novo subprefeito da Vila Maria/Vila Guilherme, Roberto de Godoi Carneiro esteve na sede do jornal, em visita informal. Ele foi recebido pelo diretor do Semanário da Zona Norte, João Carlos Dias. O subprefeito substitui Joel Bonfim da Silva, que ocupa agora a Subprefeitura de Ermelino Matarazzo.

Na ocasião, eles abordaram vários assuntos, entre eles, as ações implantadas pela

Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme, as principais reivindicações da população, a importância da parceria com os empresários da região para transformar os pontos viciados em paisagens diferenciadas e a relevante função do jornal Semanário da Zona Norte em promover eventos para apresentar lideranças e autoridades à sociedade. Além disso, eles também falaram sobre a atual crise na saúde pública mundial, que é a pandemia do coronavírus.

Confira a entrevista do subprefeito Roberto de Godoi Carneiro.

JSZN:  Conte-nos um pouco sobre a sua vida, formação, até a sua chegada à Prefeitura de São Paulo?

Subprefeito Godoi:  Minha formação é Direito, porém sempre trabalhei no serviço público. Apesar de gostar da área Jurídica me apaixonei administração pública. Logo que me formei, fui trabalhar na Subprefeitura de Perus, e por lá fiquei seis anos trabalhando na Coordenação de Administração e Finanças. Depois passei pela Câmara Municipal de São Paulo, Assembleia Legislativa de São Paulo fazendo assessoria parlamentar. Em seguida, fui convidado a ocupar o cargo de subprefeito da Subprefeitura da Freguesia do Ó, onde trabalhei dois anos.  Retornei à Câmara Municipal de São Paulo, e agora, recebi o convite do prefeito Bruno Covas para assumir a Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme.

JSZN:  Quais as ações o Sr. pretende implantar  na Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme durante em sua gestão?

Subprefeito Godoi:  A prioridade é na questão da zeladoria da região. Temos como missão principal tratar das áreas  verdes e vias, e deixá-los em ordem.  Assim que cheguei na Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme, busquei a relação de contratos quais equipes teríamos disponível para poder trabalhar nas praças e nas áreas onde a população utiliza. Então, a praça é importante para comunidade porque é um espaço de lazer. E a Prefeitura tem que deixar esses espaços em perfeito estado de conservação. São ações que fazem sentido para a Subprefeitura que tem como meta a zeladoria da região.

JSZN:  Como preservar as praças?

Subprefeito Godoi:   A praça é uma área onde a população utiliza. As famílias e as pessoas de bem precisam frequentar mais as praças. É claro que neste momento de pandemia, devemos tomar todos os cuidados com relação ao coronavírus e seguir os protocolos necessários. A Prefeitura acaba dando prioridade às praças.

JSZN:  Uma das grandes preocupações da região é com relação ao descarte irregular de lixo. Como a Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme tem lidado com esta questão?

Subprefeito Godoi:  A questão do descarte irregular de lixo é uma preocupação do Prefeito Bruno Covas que passa também pelo nosso secretário  Municipal das Subprefeituras, Alexandre Modonezi que também é responsável pela limpeza pública. Neste caso, também estou identificando pontos bastante crítico da nossa região, especialmente no bairro Parque Novo Mundo onde temos uma grande concentração de descarte irregular. Sem dúvida, juntamente com a Emlurb a Subprefeitura  da Vila Maria irá vistoriar  esses pontos de descarte irregular para  revitalizar e devolver à população esses espaços que hoje são acúmulos de lixo.

JSZN:  Como conscientizar a população do descarte irregular de lixo?

Subprefeito Godoi:  A população precisa entender que a medida em que ela descarta irregularmente o lixo na rua, é o dinheiro do imposto que ela paga. Isso faz com que a Prefeitura tenha que custear empresas de limpeza pública. Então, nesse caso a Emlurb tem um contrato com a Limpa SP que é responsável pela região da Vila Maria,  uma equipe de conscientização ambiental faz um trabalho porta a porta e nas comunidades para que eles se conscientizem disso. Sem dúvida nenhuma, a Prefeitura promove campanhas através do seu site  http://www.capital.sp.gov.br/ e também em redes sociais. E os jornais de bairro também ajudam a fazer este trabalho de conscientização.

JSZN:  E quanto aumentar a  reciclagem de lixo? A região é muito carente deste tipo de serviço.

Subprefeito Godoi:   Nós temos uma carência. A gente precisa de uma central de triagem e reciclagem de lixo por uma cooperativa que tenha  convenio com a Emlurb.  Vamos correr atrás disso para que tenhamos esse trabalho de reciclagem aqui na região. Tenho certeza de que se tivermos esse trabalho, a população vai aprender a separar seu lixo e a sua destinação será mais adequada.

JSZN:  Como a Subprefeitura pretende se integrar às propostas para o Plano de Metas de 2021?

Subprefeito Godoi:   O Plano de Metas  é elaborado pelo Prefeito de São Paulo Bruno Covas em conjunto a Secretaria das Subprefeituras e tem como missão focar a questão da zeladoria e pequenos investimentos em áreas tais como reforma de praças, melhoria dos espaços verdes, paisagismo etc. Ou seja, os cuidados das áreas comuns para a população usufruir.

JSZN:  Qual a importância da parceria com os empresários da região para transformar os pontos viciados em paisagens diferenciadas? O que fazer?

Subprefeito Godoi:   O comércio e as empresas são fundamentais para a conservação e parcerias com o poder público, especialmente com as subprefeituras. É um canal de parceria entre pessoas jurídicas, e até mesmo, físicas, para aqueles que queiram adotar praças. No caso, é feito um termo de cooperação com a Prefeitura. Isso envolve a melhoria e o embelezamento daquela área que a empresa ou pessoa pretende adotar.

JSZN:   Como coibir o comércio ilegal de ambulantes?

Subprefeito Godoi:   É um comércio que sempre existiu e a Prefeitura precisa ter uma maturidade e olhar  para este pequeno comerciante. A Prefeitura, na gestão do prefeito Bruno Covas,  criou o programa Tô legal que formaliza esse pequeno empreendedor para que ele venha a ter o seu comércio de forma regular. Neste momento de pandemia, o programa está suspenso,  mas ele fez a diferença para esse público empreendedor que precisa dessa formalização.

JSZN:   Como o Sr. vê a pandemia de coronavírus? Qual recomendação o Sr. deixa para os munícipes?

Subprefeito Godoi:   A Prefeitura de São Paulo, em especial a Subprefeitura da Vila Maria/Vila Guilherme vem atendendo os protocolos  e determinação da Organização Mundial da Saúde (OMS) e também em parceria com o Governo do Estado de São Paulo. No caso, da subprefeitura na Fase Vermelha ficaram suspensos o atendimento presencial, há uma redução de funcionários devido ao fator de risco, pois muitos colaboradores estão acima de 60 anos de idade. Mas permanece o atendimento eletrônico. Então, o munícipe que necessita do serviço da Subprefeitura pode acessar o site https://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/subprefeituras/vila_maria_vila_guilherme/ ou ligar 156 .

JSZN:   Qual  a punição em caso de descumprimento dos comerciantes nesta Fase Vermelha?

Subprefeito Godoi:   Neste caso, a Prefeitura está trabalhando em conjunto com o Governo do estado, Procon, Vigilância Sanitária, Polícia Militar e Guarda Civil Metropolitana.  Os comerciantes que descumprirem os decretos e as leis determinadas pela Prefeitura e o Governo de São Paulo receberão multa e o comércio será interditado. E o comércio que praticar o crime sanitário terá o alvará cassado imediatamente. Após essa fase, o comércio deverá seguir as normas da OMS que é o uso do álcool gel, uso  de máscaras , distanciamento social para a prevenção do coronavírus.

JSZN:   Como está a fiscalização das festas clandestinas?

Subprefeito Godoi:   Estamos de olho. São várias as ações contra as festas clandestinas na cidade inteira.  Aqui na nossa região não tivemos nenhum problema. Se houver, vamos certamente combater.

JSZN:   Como denunciar aglomeração de pessoas?

Subprefeito Godoi:   A denúncia é através o 156 ou pelo site http://www.capital.sp.gov.br/. O munícipe também pode acionar a Polícia Militar e a Guarda Civil Metropolitana. A subprefeitura irá atuar em conjunto com esses órgãos para conter esse descontrole social.

JSZN:   Qual a importância de um veículo de comunicação voltado para o bairro, como é o Semanário, divulgar as ações da subprefeitura?

Subprefeito Godoi:   As mídias regionais são fundamentais principalmente neste momento de pandemia porque eles informam a população. Hoje, a informação é fundamental até para sobrevivência das pessoas. A população que está em casa em isolamento social precisa saber o que está acontecendo em especial com relação a saúde. Sem dúvida, o Semanário da Zona Norte é um jornal tradicional. Conheço o jornal há anos e o diretor João Carlos Dias é um grande  amigo. Precisamos um do outro para que a população seja bem servida tanto do jornal com as informações quanto pela subprefeitura que tem feito seu trabalho.

 

 

 

Comentários:

+ Lidas

Nossas notícias no celular

Receba as notícias do Semanário ZN no seu app favorito de mensagens.

Telegram
Whatsapp
Entrar
Anunciante 039

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!