SEMANÁRIO ZONA NORTE - JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO NA ZONA NORTE

Câmara Municipal premia o desembargador Paulo Dimas com a Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão

Foi realizada no dia 17 de dezembro

Foi realizada no dia 17 de dezembro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo, a entrega da Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo ao desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascharetti.

O prêmio (sempre acompanhado do Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo) é concedido a personalidades e a instituições que, por meio de suas trajetórias, conquistaram a admiração e o respeito do povo paulistano. A honraria foi iniciativa do atual presidente da casa, o vereador Milton Leite (DEM), que disse ser “uma satisfação condecorar uma figura do mundo jurídico do tamanho de Paulo Dimas, que teve uma carreira brilhante, galgando todos caminhos até chegar à presidência do Tribunal de Justiça e futuramente à Secretaria de Justiça e Cidadania, cargo que ocupará a partir de janeiro de 2018, levando todo o seu conhecimento técnico em favor do Estado de São Paulo”, completou.

Para o homenageado, Paulo Dimas de Bellis Mascharetti, “a cerimônia é um reconhecimento dos mais de 40 anos de dedicação à causa da Justiça, que procuro dividir com todas as pessoas que ao longo da vida participaram de minhas realizações, das minhas conquistas. Sou paulistano, não só de nascimento, mas também de coração, amo a minha cidade e como secretário, a partir de janeiro, procuraremos realizar o melhor para São Paulo. Estou muito otimista, estamos em um clima altamente positivo e tenho certeza que tudo dará certo”.

Já o desembargador do Tribunal de Justiça, Antônio Carlos Malheiros destaca que “a premiação é ofertada a pessoas muito especiais e o Paulo Dimas é muito especial. Ele foi um excelente magistrado, desembargador notável e um ótimo presidente do Tribunal de Justiça”.

Para o secretário adjunto da Justiça e Defesa da Cidadania, Luiz Souto Madureira, “ Paulo Dimas não é apenas um cidadão paulistano, é um cidadão brasileiro que honra o nosso pais, é um grande líder na sua classe, na magistratura, e um grande magistrado. E como presidente do Tribunal de Justiça, mudou a cara do Tribunal”.

Luiz Flávio Borges D’Urso, que representou a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seção de São Paulo, disse estar muito alegre e feliz com a condecoração, “pois o Paulo Dimas prestou relevantes serviços à nossa sociedade e nunca faltou à advocacia, sempre atento, com uma interlocução legal para com a OAB”

Para o atual secretário da Justiça do Estado de São Paulo, Marcio Fernando Elias Rosa, a homenagem é merecida, “pois o Paulo Dimas sempre trabalhou para o Estado de São Paulo e para o Município de São Paulo, como juiz de Direito, desembargador e como um importante líder da Magistratura, e agora se prepara para assumir a Secretaria de Justiça, me sucedendo, o que é motivo de muito orgulho, pois, primeiro é um amigo que me sucede e como paulista e paulistano, fico feliz que o governador eleito não poderia ter feito uma escolha melhor, o Paulo representa não só a continuidade, mas o aperfeiçoamento do trabalho realizado na Secretaria da Justiça”.

João Octaviano Machado Neto, que é secretário municipal de Mobilidade e Transportes de São Paulo, destacou que “o desembargador Paulo Dimas representa o que há de melhor no sistema judiciário”. “Ele é um homem da maior qualidade e a partir de janeiro assume a pasta da Justiça do Estado de São Paulo. Foi uma ótima escolha, não só do futuro governador João Dória, mas também da iniciativa do vereador Milton Leite, em homenageá-lo e através deste ato, reconhecendo o valor de pessoas sérias,  éticas e competentes como o Paulo Dimas, é que nós vamos estruturar uma sociedade cada vez mais justa e mais digna do anseio popular”.

Para Fernando da Silva Borges, do Tribunal Regional do Trabalho de Campinas, “é uma homenagem justa, pois Paulo Dimas prestou e presta brilhantes serviços ao Poder Judiciário do país. Além disso, foi um excelente desembargador e foi um ótimo presidente do Tribunal de Justiça”.

O desembargador do Tribunal de Justiça, Luiz Edmundo Marrey Uint salientou as qualidades pessoais de Paulo Dimas “que ao longo do tempo, se mostrou ser um ótimo homem, um excelente julgador, inteligente, sensível, chegando ainda jovem à presidência do Tribunal, onde realizou uma brilhante administração, e agora com o convite do governador Dória, ele encerra uma etapa da vida, e começa uma outra, um novo desafio, que tenho certeza que irá ter muito sucesso”.

Para Arthur Marques da Silva Filho, que é desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, “é uma honra participar desta cerimônia, pois o Paulo é um amigo, desde a década de 1980. Além disso, é um juiz preparado, culto, dedicado e bem representa o Tribunal de Justiça com as suas qualidades pessoais. É um homem inteligente, preparado e que tem muita disposição para o trabalho. Portanto é uma satisfação estar aqui para homenageá-lo”. 

O delegado Oswaldo Nico Gonçalves, diretor do Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas (Decade) sublinha que Paulo Dimas é um querido amigo e está no lugar certo, na hora certa. Ele é um homem que viveu a lei durante muito tempo, foi presidente do Tribunal de Justiça, é uma pessoa do bem.

Já o vereador Adilson Amadeu (PTB) diz, “que é uma honra estarmos prestando essa homenagem  a Paulo Dimas, que é merecedor de tal honraria, não só por sua trajetória de vida, mas também por todo o ensinamento que ele nos proporcionou e que ainda nos proporciona. Tenho certeza que ele será um ótimo secretário”.

Para o vereador David Soares (DEM), “é uma homenagem muito justa, pois o Paulo Dimas tem prestado inúmeros serviços  à nossa população, e essa cerimônia é o reconhecimento de um trabalho que está sendo visto, que o Judiciário respeita e que a população em geral terá conhecimento”, concluiu.

 

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no LinkeDin
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Câmara Municipal premia o desembargador Paulo Dimas com a Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão

Foi realizada no dia 17 de dezembro, no Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo, a entrega da Medalha Anchieta e Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo ao desembargador Paulo Dimas de Bellis Mascharetti.

O prêmio (sempre acompanhado do Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo) é concedido a personalidades e a instituições que, por meio de suas trajetórias, conquistaram a admiração e o respeito do povo paulistano. A honraria foi iniciativa do atual presidente da casa, o vereador Milton Leite (DEM), que disse ser “uma satisfação condecorar uma figura do mundo jurídico do tamanho de Paulo Dimas, que teve uma carreira brilhante, galgando todos caminhos até chegar à presidência do Tribunal de Justiça e futuramente à Secretaria de Justiça e Cidadania, cargo que ocupará a partir de janeiro de 2018, levando todo o seu conhecimento técnico em favor do Estado de São Paulo”, completou.

Para o homenageado, Paulo Dimas de Bellis Mascharetti, “a cerimônia é um reconhecimento dos mais de 40 anos de dedicação à causa da Justiça, que procuro dividir com todas as pessoas que ao longo da vida participaram de minhas realizações, das minhas conquistas. Sou paulistano, não só de nascimento, mas também de coração, amo a minha cidade e como secretário, a partir de janeiro, procuraremos realizar o melhor para São Paulo. Estou muito otimista, estamos em um clima altamente positivo e tenho certeza que tudo dará certo”.

Já o desembargador do Tribunal de Justiça, Antônio Carlos Malheiros destaca que “a premiação é ofertada a pessoas muito especiais e o Paulo Dimas é muito especial. Ele foi um excelente magistrado, desembargador notável e um ótimo presidente do Tribunal de Justiça”.

Para o secretário adjunto da Justiça e Defesa da Cidadania, Luiz Souto Madureira, “ Paulo Dimas não é apenas um cidadão paulistano, é um cidadão brasileiro que honra o nosso pais, é um grande líder na sua classe, na magistratura, e um grande magistrado. E como presidente do Tribunal de Justiça, mudou a cara do Tribunal”.

Luiz Flávio Borges D’Urso, que representou a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), seção de São Paulo, disse estar muito alegre e feliz com a condecoração, “pois o Paulo Dimas prestou relevantes serviços à nossa sociedade e nunca faltou à advocacia, sempre atento, com uma interlocução legal para com a OAB”

Para o atual secretário da Justiça do Estado de São Paulo, Marcio Fernando Elias Rosa, a homenagem é merecida, “pois o Paulo Dimas sempre trabalhou para o Estado de São Paulo e para o Município de São Paulo, como juiz de Direito, desembargador e como um importante líder da Magistratura, e agora se prepara para assumir a Secretaria de Justiça, me sucedendo, o que é motivo de muito orgulho, pois, primeiro é um amigo que me sucede e como paulista e paulistano, fico feliz que o governador eleito não poderia ter feito uma escolha melhor, o Paulo representa não só a continuidade, mas o aperfeiçoamento do trabalho realizado na Secretaria da Justiça”.

João Octaviano Machado Neto, que é secretário municipal de Mobilidade e Transportes de São Paulo, destacou que “o desembargador Paulo Dimas representa o que há de melhor no sistema judiciário”. “Ele é um homem da maior qualidade e a partir de janeiro assume a pasta da Justiça do Estado de São Paulo. Foi uma ótima escolha, não só do futuro governador João Dória, mas também da iniciativa do vereador Milton Leite, em homenageá-lo e através deste ato, reconhecendo o valor de pessoas sérias,  éticas e competentes como o Paulo Dimas, é que nós vamos estruturar uma sociedade cada vez mais justa e mais digna do anseio popular”.

Para Fernando da Silva Borges, do Tribunal Regional do Trabalho de Campinas, “é uma homenagem justa, pois Paulo Dimas prestou e presta brilhantes serviços ao Poder Judiciário do país. Além disso, foi um excelente desembargador e foi um ótimo presidente do Tribunal de Justiça”.

O desembargador do Tribunal de Justiça, Luiz Edmundo Marrey Uint salientou as qualidades pessoais de Paulo Dimas “que ao longo do tempo, se mostrou ser um ótimo homem, um excelente julgador, inteligente, sensível, chegando ainda jovem à presidência do Tribunal, onde realizou uma brilhante administração, e agora com o convite do governador Dória, ele encerra uma etapa da vida, e começa uma outra, um novo desafio, que tenho certeza que irá ter muito sucesso”.

Para Arthur Marques da Silva Filho, que é desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, “é uma honra participar desta cerimônia, pois o Paulo é um amigo, desde a década de 1980. Além disso, é um juiz preparado, culto, dedicado e bem representa o Tribunal de Justiça com as suas qualidades pessoais. É um homem inteligente, preparado e que tem muita disposição para o trabalho. Portanto é uma satisfação estar aqui para homenageá-lo”. 

O delegado Oswaldo Nico Gonçalves, diretor do Departamento de Capturas e Delegacias Especializadas (Decade) sublinha que Paulo Dimas é um querido amigo e está no lugar certo, na hora certa. Ele é um homem que viveu a lei durante muito tempo, foi presidente do Tribunal de Justiça, é uma pessoa do bem.

Já o vereador Adilson Amadeu (PTB) diz, “que é uma honra estarmos prestando essa homenagem  a Paulo Dimas, que é merecedor de tal honraria, não só por sua trajetória de vida, mas também por todo o ensinamento que ele nos proporcionou e que ainda nos proporciona. Tenho certeza que ele será um ótimo secretário”.

Para o vereador David Soares (DEM), “é uma homenagem muito justa, pois o Paulo Dimas tem prestado inúmeros serviços  à nossa população, e essa cerimônia é o reconhecimento de um trabalho que está sendo visto, que o Judiciário respeita e que a população em geral terá conhecimento”, concluiu.

 

Publicidade