SEMANÁRIO ZONA NORTE - JORNAL DE MAIOR CIRCULAÇÃO NA ZONA NORTE

Solenidade marca passagem de direção da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico do Comando da Aeronáutica

Cerimônia militar marca passagem de direção da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico do Comando da Aeronáutica

Uma cerimônia militar na segunda-feira, dia 26 de novembro,  na sede do Comando Geral de Apoio da Aeronáutica, no bairro Vila Monumento, em São Paulo,  marcou a passagem de direção da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico. Na ocasião, o então major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira transmitiu o cargo ao major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert.

A solenidade foi presidida pelo comandante-geral de Apoio da Aeronáutica ten.-brig. do ar Paulo João Cury, e teve a presença de várias autoridades militares e civis.

O major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert possui mais de 35 anos de serviço, grande parte em atividades de apoio logístico. Foi chefe da Divisão de Logística da Comissão Aeronáutica Brasileira na Europa (Cabe), chefe da Divisão de Projetos Aeronáuticos da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico (Dirmab) e diretor do Parque de Material Aeronáutico de Recife (Pama-RF).

Já o major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira, após 40 anos dedicados à Força Aérea Brasileira, entra para a reserva deixando um grande legado de amizades e relevantes trabalhos prestados em prol da entidade no Brasil.

Confira depoimentos de autoridades que estiveram presentes no evento.

Para o major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert a “Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é um órgão do Comando Geral de Apoio que se mudou para São Paulo em 2017. Toda a área logística da Força Aérea veio para a capital, se concentrando no prédio do antigo IV Comar. A diretoria é responsável pelo suporte e logística das aeronaves, temos mais de 500 aeronaves da FAB espalhadas pelo Brasil e somos responsáveis de mantê-las com o suplemento aeronáutico e manutenção dos seus militares”. 

O major-brig. Neubert falou da expectativa em assumir a diretoria. “Para mim é um grande desafio em dar continuidade ao trabalho do grande profissional que é o major-brig. ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira. Tenho certeza que será bastante profícuo se eu mantiver as mesmas diretrizes dele. Desejo a ele muito sucesso, é difícil falar sobre o major-brig. Vieira pois falta adjetivos para poder caracterizá-lo. É uma pessoa muito humana, agregador, um profissional excepcional, dedicado e acima de tudo um amigo. Todo legado que ele nos deixa, principalmente do lado da amizade, agregará essa família que é a Força Aérea Brasileira”.

O oficial também deixou uma mensagem de otimismo aos jovens que queiram ingressar na carreira.

“Desejo aos jovens dedicação e amor à pátria, pois nada se faz sem se entregar. “É assim que temos que enxergar nosso Brasil, com bons olhos”.

Já para o major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira “a  Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é o órgão que toma conta de toda a manutenção e também do sistema de material bélico das aeronaves da Força Aérea Brasileira. Hoje é um dia muito especial, pois estamos realizando a transmissão de cargo. Eu saio depois de três anos de direção e indo para a reserva, isso  é algo normal de acontecer na nossa carreira”.

O major-brig. Vieira destacou o balanço de sua gestão. “Apesar das dificuldades econômicas do país, conseguimos, graças ao Alto Comando da Aeronáutica cumprir nossa missão. Aproveito a oportunidade para deixar uma mensagem ao major-brig. Neubert. Ele é um grande profissional e bastante experiente, sem dúvida nenhuma o major-brig. Neubert fará uma excelente direção”.

Aos jovens que queiram ingressar na carreira militar, o major Vieira deixou a seguinte mensagem. “A carreira militar é brilhante, comecei há 40 anos. Aprendi a amar a FAB e o nosso país. A família também é muito importante, a minha sempre me deu suporte para eu trabalhar com tranquilidade. E o civismo e o patriotismo são fundamentais para o desenvolvimento de uma Nação. No passado existia uma disciplina chamada Moral e Cívica onde aprendíamos os símbolos nacionais. Somos todos brasileiros e falamos a mesma língua”.

De acordo com o tenente-brigadeiro do ar Lourenço, “a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é o grande sonho da Força Aérea Brasileira por estar representada aqui na cidade de São Paulo, a maior metrópole brasileira. Hoje estamos celebrando a vinda do major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert para a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico e a saída do meu grande amigo major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira. Essa transição é muito importante para a FAB”.

Para o major-brigadeiro do ar José Augusto Crepaldi Afonso  “a cerimônia de passagem de comando é muito importante para a Força Aérea Brasileira e a  Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é responsável por todo o apoio logístico das aeronaves, pois sem gestão, dedicação e liderança das pessoas que trabalham nesta organização, a FAB não cumpre sua missão. Então, esta solenidade é muito importante para a instituição porque é um momento em que um grande oficial, que é o major-brig. Vieira, passa para um outro oficial, que é o major-brig. Neubert que é igualmente competente e líder. Aproveito para agradecer a presença do jornal Semanário da Zona Norte, importante veículo de comunicação da cidade de São Paulo". 

O ten.-brig. do ar Paulo João Cury, comandante-geral de Apoio do Comando da Aeronáutica destacou a importância da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico para a entidade. “A vida militar tem uma característica única que é a transmissão de comando. É um ato puro e simples de ascensão à carreira. Hoje temos o major-brigadeiro do ar Vieira indo para a casa e o brigadeiro do ar Neubert sendo promovido a major-brigadeiro, assumindo o cargo de diretor. Sua responsabilidade é manter a frota de aeronaves da FAB disponível bem como adquirir todo o material bélico e deixar as aeronaves prontas para o combate, é uma missão dura e pesada, mas que ele irá executar muito bem. A minha mensagem para o major-brig. Vieira é que ele seja muito feliz”.

O comandante Cury também deixou uma mensagem de otimismo aos jovens brasileiros. “ Eu só tenho uma palavra a dizer para esses jovens, que é muito estudo, dedicação e trabalho.  Quem escolher a Força Aérea Brasileira vai se sentir muito realizado”.

Já para o ten.-brig. do ar Marcelo Damasceno “a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é subordinada ao Comando Geral de Apoio e responsável por manter as aeronaves prontas para  o emprego, assim como o armamento que é aquilo que define a atividade militar dentro da aviação. Ela trabalha diuturnamente para que as aeronaves estejam prontas e colocadas à disposição dos esquadrões aéreos.

Desejo ao major-brig. Vieira que se dedicou e se especializou nesta área de material aeronáutico e bélico, muito sucesso em sua nova vida, e o major-brig. Neubert, vem assumindo esses passos.  Ele é da mesma conduta e linha de ação, tenho certeza que o legado deixado pelo major-brig. Vieira vai ser totalmente absorvido  pelo major-brig. Neubert nesta nobre e importante missão da FAB’.

O tenente-brig. também deixou uma mensagem aos jovens que queiram ingressar na carreira militar. “Estamos iniciando uma nova fase no nosso Brasil, uma valorização da atividade militar que é um dos braços que apoia qualquer governo. Agora, esses jovens terão maior visibilidade das opções das três Forças Armadas: Força Aérea, Marinha e Aeronáutica”.

  • Compartilhe
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Google Plus
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no WhatsApp

Solenidade marca passagem de direção da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico do Comando da Aeronáutica

Uma cerimônia militar na segunda-feira, dia 26 de novembro,  na sede do Comando Geral de Apoio da Aeronáutica, no bairro Vila Monumento, em São Paulo,  marcou a passagem de direção da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico. Na ocasião, o então major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira transmitiu o cargo ao major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert.

A solenidade foi presidida pelo comandante-geral de Apoio da Aeronáutica ten.-brig. do ar Paulo João Cury, e teve a presença de várias autoridades militares e civis.

O major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert possui mais de 35 anos de serviço, grande parte em atividades de apoio logístico. Foi chefe da Divisão de Logística da Comissão Aeronáutica Brasileira na Europa (Cabe), chefe da Divisão de Projetos Aeronáuticos da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico (Dirmab) e diretor do Parque de Material Aeronáutico de Recife (Pama-RF).

Já o major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira, após 40 anos dedicados à Força Aérea Brasileira, entra para a reserva deixando um grande legado de amizades e relevantes trabalhos prestados em prol da entidade no Brasil.

Confira depoimentos de autoridades que estiveram presentes no evento.

Para o major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert a “Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é um órgão do Comando Geral de Apoio que se mudou para São Paulo em 2017. Toda a área logística da Força Aérea veio para a capital, se concentrando no prédio do antigo IV Comar. A diretoria é responsável pelo suporte e logística das aeronaves, temos mais de 500 aeronaves da FAB espalhadas pelo Brasil e somos responsáveis de mantê-las com o suplemento aeronáutico e manutenção dos seus militares”. 

O major-brig. Neubert falou da expectativa em assumir a diretoria. “Para mim é um grande desafio em dar continuidade ao trabalho do grande profissional que é o major-brig. ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira. Tenho certeza que será bastante profícuo se eu mantiver as mesmas diretrizes dele. Desejo a ele muito sucesso, é difícil falar sobre o major-brig. Vieira pois falta adjetivos para poder caracterizá-lo. É uma pessoa muito humana, agregador, um profissional excepcional, dedicado e acima de tudo um amigo. Todo legado que ele nos deixa, principalmente do lado da amizade, agregará essa família que é a Força Aérea Brasileira”.

O oficial também deixou uma mensagem de otimismo aos jovens que queiram ingressar na carreira.

“Desejo aos jovens dedicação e amor à pátria, pois nada se faz sem se entregar. “É assim que temos que enxergar nosso Brasil, com bons olhos”.

Já para o major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira “a  Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é o órgão que toma conta de toda a manutenção e também do sistema de material bélico das aeronaves da Força Aérea Brasileira. Hoje é um dia muito especial, pois estamos realizando a transmissão de cargo. Eu saio depois de três anos de direção e indo para a reserva, isso  é algo normal de acontecer na nossa carreira”.

O major-brig. Vieira destacou o balanço de sua gestão. “Apesar das dificuldades econômicas do país, conseguimos, graças ao Alto Comando da Aeronáutica cumprir nossa missão. Aproveito a oportunidade para deixar uma mensagem ao major-brig. Neubert. Ele é um grande profissional e bastante experiente, sem dúvida nenhuma o major-brig. Neubert fará uma excelente direção”.

Aos jovens que queiram ingressar na carreira militar, o major Vieira deixou a seguinte mensagem. “A carreira militar é brilhante, comecei há 40 anos. Aprendi a amar a FAB e o nosso país. A família também é muito importante, a minha sempre me deu suporte para eu trabalhar com tranquilidade. E o civismo e o patriotismo são fundamentais para o desenvolvimento de uma Nação. No passado existia uma disciplina chamada Moral e Cívica onde aprendíamos os símbolos nacionais. Somos todos brasileiros e falamos a mesma língua”.

De acordo com o tenente-brigadeiro do ar Lourenço, “a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é o grande sonho da Força Aérea Brasileira por estar representada aqui na cidade de São Paulo, a maior metrópole brasileira. Hoje estamos celebrando a vinda do major-brig. do ar Ricardo Augusto Neubert para a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico e a saída do meu grande amigo major-brig. do ar Antonio Ricardo Pinheiro Vieira. Essa transição é muito importante para a FAB”.

Para o major-brigadeiro do ar José Augusto Crepaldi Afonso  “a cerimônia de passagem de comando é muito importante para a Força Aérea Brasileira e a  Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é responsável por todo o apoio logístico das aeronaves, pois sem gestão, dedicação e liderança das pessoas que trabalham nesta organização, a FAB não cumpre sua missão. Então, esta solenidade é muito importante para a instituição porque é um momento em que um grande oficial, que é o major-brig. Vieira, passa para um outro oficial, que é o major-brig. Neubert que é igualmente competente e líder. Aproveito para agradecer a presença do jornal Semanário da Zona Norte, importante veículo de comunicação da cidade de São Paulo". 

O ten.-brig. do ar Paulo João Cury, comandante-geral de Apoio do Comando da Aeronáutica destacou a importância da Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico para a entidade. “A vida militar tem uma característica única que é a transmissão de comando. É um ato puro e simples de ascensão à carreira. Hoje temos o major-brigadeiro do ar Vieira indo para a casa e o brigadeiro do ar Neubert sendo promovido a major-brigadeiro, assumindo o cargo de diretor. Sua responsabilidade é manter a frota de aeronaves da FAB disponível bem como adquirir todo o material bélico e deixar as aeronaves prontas para o combate, é uma missão dura e pesada, mas que ele irá executar muito bem. A minha mensagem para o major-brig. Vieira é que ele seja muito feliz”.

O comandante Cury também deixou uma mensagem de otimismo aos jovens brasileiros. “ Eu só tenho uma palavra a dizer para esses jovens, que é muito estudo, dedicação e trabalho.  Quem escolher a Força Aérea Brasileira vai se sentir muito realizado”.

Já para o ten.-brig. do ar Marcelo Damasceno “a Diretoria de Material Aeronáutico e Bélico é subordinada ao Comando Geral de Apoio e responsável por manter as aeronaves prontas para  o emprego, assim como o armamento que é aquilo que define a atividade militar dentro da aviação. Ela trabalha diuturnamente para que as aeronaves estejam prontas e colocadas à disposição dos esquadrões aéreos.

Desejo ao major-brig. Vieira que se dedicou e se especializou nesta área de material aeronáutico e bélico, muito sucesso em sua nova vida, e o major-brig. Neubert, vem assumindo esses passos.  Ele é da mesma conduta e linha de ação, tenho certeza que o legado deixado pelo major-brig. Vieira vai ser totalmente absorvido  pelo major-brig. Neubert nesta nobre e importante missão da FAB’.

O tenente-brig. também deixou uma mensagem aos jovens que queiram ingressar na carreira militar. “Estamos iniciando uma nova fase no nosso Brasil, uma valorização da atividade militar que é um dos braços que apoia qualquer governo. Agora, esses jovens terão maior visibilidade das opções das três Forças Armadas: Força Aérea, Marinha e Aeronáutica”.

Publicidade